27 de agosto de 2016

LANA

Além de tudo nós somos uma associação de animais, que faz o que o pode e o que não pode para lhes dar a melhor vida possível. 
Àqueles que não conhecemos mas principalmente àqueles que estão no abrigo e inteiramente à nossa responsabilidade. Por eles damos e fazemos quase tudo. Se eles estiverem bem, nós estamos ótimos. Pomo-los à frente de nós e à frente dos nossos. 
Por isso sabemos quando chega o momento de os deixarmos ir. E só nós é que sabemos o quanto custa, o quanto demora a decidir, quantas saudades temos...
Chegou a hora da Lana, e chegou com um aperto no coração tão grande... Custa tanto deixá-los ir. Saber que nunca mais vamos ralhar porque está a roubar as guloseimas de todos, porque se está a enganar no canil e saber que nunca mais lhe vamos pegar ao colo para levar para dentro.
Vais fazer muita falta velhota, acredita. Vamos continuar a cuidar dos meninos como cuidamos até aqui, acredita.
Lamentamos que os teus últimos anos não tenham sido numa casa, mas sabemos que foram numa família. Obrigada por nos teres ensinado que ser velhota ou ter cancro não significa nada na alegria de uma vida.
Acredita, vamos ter todos muitas saudades tuas. Mas estamos em paz, sabemos que foste feliz, sabemos que sentiste o que era o amor.
Até já Lana.
Da tua família,